Calor, estrada e tudo bem
Publicada em: 12 de setembro de 2016

Sebastião Garcia
Além de combustível, muita água e de um bom ar condicionado, é preciso se preparar psicologicamente pra enfrentar duas características marcantes quando se  viaja pelo interior de Mato Grosso: calor escaldante e distâncias impressionantes.

Saímos da capital numa manhã domingo de inverno, olha só, com uma temperatura de 34 graus. Destino: a cidade de Campos de Julio, na região oeste do estado. Pegamos a BR163 certos de que tínhamos mais de 500 quilômetros pela frente e assim, considerando as condições das estradas, pelo menos 7 horas de viagem. Sete horas e praticamente uma paisagem só. Terra, muita terra. Campos e mais campo de fazendas ocupadas nesta época por quase nada. Em boa parte o milho acabou de ser colhido, em outra, minoria, pastagens.

As áreas de milho logo, logo serão cobertas por soja. Dia 15, ainda esta semana, termina o vazio sanitário em Mato Grosso e certamente o cenário, agora seco de palhada, começa a mudar. É o início da safra de verão e as primeiras sementes de soja serão semeadas.  O preparo psicológico pra enfrentar o calor e as distâncias de Mato Grosso tem seu fundamento, tem sentido.

A partir desta segunda nós, equipe do projeto Soja Brasil, vamos acompanhar passo a passo (ou quilômetros a quilômetro) o trabalho desenvolvido na caravana do projeto. Campos de Julio é a primeira parada. E é dai a largada pra levar informação e orientação ao produtor rural por este Brasilzão a fora. Dias 21 e 22, estaremos com a carreta em Sinop, outra promissora cidade de Mato Grosso, pro evento maior desta largada: a abertura oficial do plantio de soja da safra 2016/2017.

Preparados estamos e nossa missão nesta caminhada é deixar o produtor preparado também. Que venha uma nova safra, que venha mais estrada, que venha mais calor pela frente. Como vai ser, não sabemos, mas que vai valer a pena, ah, isso vai!!

whatsapp-image-2016-09-11-at-19-12

Sobre o Projeto Soja Brasil
O projeto tem a realização do Canal Rural e da Associação dos Produtores de Soja do Brasil (Aprosoja Brasil), com a coordenação técnica da Embrapa Soja. O apoio institucional é do Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB). A consultoria é de Safras & Mercado e Somar Meteorologia. O patrocínio é de Ihara e Mitsubishi Motors.

Mais notícias do blog

Publicada em: 20 de setembro de 2018

O produtor de soja Pablo Schmidt Rosa, de Mangueirinha (PR), mostrará a cada semana como está se desenvolvendo as lavouras de sua região> desde o manejo aplicado até as dificuldades e acertos comuns de quem vive a cultura todos os anos. A cada semana novos capítulos serão acrescentados à história, além de fotos e vídeos. Vamos acompanhar esta soja?

Publicada em: 4 de julho de 2018

Evento que acontecerá em Uberlândia (MG) no dia 26 de julho, marcará o início da safra da principal cultura agrícola do país. Veja todos os detalhes deste primeiro encontro

Publicada em: 4 de abril de 2017

Sebastião Garcia Preciso dizer, antes de tudo, que me sinto um privilegiado. Privilegiado por ter participado do Projeto Soja Brasil neste ano de forma tão efetiva. De ter convivido com produtores rurais. Eu e minha equipe estivemos cada dia numa propriedade, cada dia numa cidade, numa região. Foi assim durante 20 dias no mês, durante nove […]

Publicada em: 20 de fevereiro de 2017

As fazendas que visitamos no Tocantins dão a ideia da grandeza deste estado. Passamos em duas. Uma com mais de 30 mil hectares

Publicada em: 26 de janeiro de 2017

Vivi dias de grata satisfação esta semana. Satisfação e surpresa. Começo pela surpresa. Cheguei com minha equipe no sábado, dia 21, a cidade de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul, na fronteira entre Brasil e o Paraguai. A primeira imagem (e que me causou curiosidade), é dos grandes shoppings do lado paraguaio, na cidade […]