Importação de soja pela China caiu 11% em março
Publicada em: 13 de abril de 2018

Especialistas acreditam que a guerra comercial com os EUA diminuiu o ímpeto de consumo dos chineses

Estadão Conteúdo

As importações de soja pela China somaram 5,66 milhões de toneladas em março, queda de 11% em relação a igual mês de 2017, informou o Departamento de Alfândega do país nesta sexta-feira, dia 13. No acumulado do trimestre, as compras chinesas da oleaginosa totalizaram 19,57 milhões de toneladas, ligeira alta de 0,2% ante mesmo intervalo do ano passado.

O banco australiano ANZ avalia que o recuo no desempenho mensal se deveu, provavelmente, aos primeiros efeitos das tensões comerciais entre China e Estados Unidos. No entanto, a instituição financeira acredita que as importações podem se recuperar nos próximos meses, à medida que os chineses procurem mais soja brasileira para aquisição.

 

Veja mais notícias sobre soja

 

 

Sobre o Projeto Soja Brasil
O projeto tem a realização do Canal Rural e da Associação dos Produtores de Soja do Brasil (Aprosoja Brasil), com a coordenação técnica da Embrapa Soja. O apoio institucional é do Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB) e da Associação Brasileira de Sementes e Mudas (Abrasem). A consultoria é de Safras & Mercado e Somar Meteorologia. O patrocínio é de BASF e Mitsubishi Motors. O apoio nos eventos é de Yara Brasil Fertilizantes.

Mais notícias do Projeto Soja Brasil

Publicada em: 18 de setembro de 2018

Nova técnica garante facilidade ao processo que, até hoje, era realizado na hora do plantio e demandava mais mão de obra

Publicada em: 18 de setembro de 2018

Outro fator que está pressionando as cotações é o embate entre os americanos e os chineses, com as novas taxações. Segundo o Rabobank, os preços ainda devem seguir pressionados até o fim do ano

Publicada em: 18 de setembro de 2018

Até no Centro-Oeste, onde os solos estavam mais secos, as precipitações devem dar um alívio e favorecer o início dos trabalhos

Publicada em: 17 de setembro de 2018

Na Abertura Nacional do Plantio da Soja, a diretora-executiva do Conselho de Informações sobre Biotecnologia afirmou que novas variedades transgênicas trarão mais opções ao manejo e permitirão proteção de culturas e ganhos de produtividade

Publicada em: 17 de setembro de 2018

De acordo com Dionísio Gazziero, durante a Abertura Oficial do Plantio de Soja, a proibição do herbicida elevaria custos e traria de volta práticas de manejo mais prejudiciais à natureza