Rio Grande do Sul terá muitas chuvas em fevereiro
Publicada em: 18 de janeiro de 2018

Segundo a meteorologia até lá, a expectativa é de tempo firme nesta semana e chuvas na próxima semana.

Produtores de soja do Rio Grande do Sul estão preocupados com o desenvolvimento das lavouras, afinal as chuvas têm sido muito irregulares desde o inicio do plantio. Segundo dados meteorológicos as precipitações devem vir com maior regularidade a partir de fevereiro.

Do dia 17 a 23 de janeiro o estado irá receber apenas 5 milímetros acumulados. No Centro-Oeste a situação é muito parecida, com tempo firme. Enquanto o Sudeste recebe volumes de chuvas de 80 milímetros acumulados.

A partir do dia 24 até 30 de janeiro essa situação muda e o Rio Grande do Sul já recebe precipitações de 55 milímetros. No mesmo período, Sudeste e Centro-Oeste recebem 80 milímetros acumulados.

 

Sobre o Projeto Soja Brasil
O projeto tem a realização do Canal Rural e da Associação dos Produtores de Soja do Brasil (Aprosoja Brasil), com a coordenação técnica da Embrapa Soja. O apoio institucional é do Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB). A consultoria é de Safras & Mercado e Somar Meteorologia. O patrocínio é de Ihara e Mitsubishi Motors.

Mais notícias do Projeto Soja Brasil

Publicada em: 16 de janeiro de 2019

Para entidade, o Brasil deve ter concorrência maior na venda de derivados da oleaginosa, já que os argentinos devem se recuperar e produzir grande safra

Publicada em: 16 de janeiro de 2019

Em algumas praças, como em Santos (SP), a saca se desvalorizou R$ 3 em um dia. Mercado aponta melhoras nas lavouras brasileiras como uma das razões

Publicada em: 16 de janeiro de 2019

Além de destacar um município por estado do país, o Projeto Soja Brasil irá destacar as condições climáticas para a Fronteira Oeste do RS, que tem sofrido com o excesso de precipitações

Publicada em: 15 de janeiro de 2019

A perda dos agricultores do município pode superar os R$ 50 milhões, segundo a prefeitura. Teve sojicultor que contabiliza um revés maior de R$ 1,2 milhão. Confira todas as imagens e vídeos enviados para o Canal Rural!

Publicada em: 15 de janeiro de 2019

Segundo o Deral, o estado todo já conseguiu retirar 10% da oleaginosa do campo. Levantamento também mostra uma melhora nas lavouras restantes